3 maneiras diferentes de praticar o idioma durante as férias

Recesso escolar é um período importante para o lazer, mas também pode ser preenchido com atividades divertidas que incentivem o contato com a língua estrangeira de forma mais natural e descontraída

Em período de férias o que as crianças e os adolescentes menos querem fazer, em sua maioria, é estudar! Depois de todo um ano se aplicando em sala de aula e fora dela, esse é o momento de descansar e se preparar para o que vem pela frente. Entretanto, esse distanciamento de um idioma que está sendo conquistado, como o inglês, por um período muito longo pode representar uma ameaça em termos de evolução já que sua assimilação está associada à exposição e ao contato frequente.  Mas, a boa notícia é que dá para unir estudos e língua inglesa em atividades que mais parecem diversão para o período de lazer. Confira abaixo algumas dicas listadas pelo senior assessment manager de Cambridge Assessment English, Alberto Costa, que fogem das legendas das séries ou dos filmes em inglês:

  1. Use o celular ao seu favor

Durante as férias o que não falta é tempo livre. Então, que tal preencher parte dele jogando um pouco no celular? Há uma série de games especialmente projetados para que todo mundo possa praticar, independente do seu nível de conhecimento. Cambridge English (departamento da Universidade de Cambridge voltado para avaliação de proficiência em inglês e preparo de professores), por exemplo, oferece de maneira gratuita algumas opções em seu portfólio, como é o caso do app Quiz Your English. Por meio dele é possível se divertir ao duelar com os amigos e outros praticantes em todo o mundo em jogos rápidos de cinco perguntas cada.

O aplicativo contempla uma grande variedade de níveis e temas, como estudos, viagens, estilos de vida, uso no trabalho ou em casa, por exemplo. A partir dessa primeira escolha os jogadores podem desafiar seus amigos em tempo real onde quer que eles estejam ou entrarem em batalhas com gamers em diferentes países. Ao todo são cinco séries que incluem perguntas relacionadas com a gramática e o vocabulário voltados para atividades do dia-a-dia.

E que tal o Cambridge English FC, game que é ambientado no campo de futebol, mas que exige mais do que a habilidade com os pés para vencer? A proposta é trazer o idioma para mais próximo de atividades costumeiras e fontes de prazer, como a prática de esportes.

No jogo, os participantes são os capitães do time de Cambridge e, para vencer o campeonato e levar para casa a taça do vencedor, é preciso passar pelas fases do torneio. Ao ajudar a sua equipe a responder perguntas de gramática, vocabulário e pronúncia, o jogador avança as posições até marcar o gol, eleva a sua pontuação no jogo e chega mais perto da final. Mas, se ele errar, pode ser enviado para o banco de reservas.

  1. Ouça Podcasts!

A curiosidade é uma característica bastante predominante do ser humano e os podcasts, uma espécie de programa de rádio só que transmitido via internet para todo o mundo, podem ser uma ótima opção para ampliar não apenas o conhecimento geral sobre coisas das mais diversas naturezas (visto que em geral eles são temáticos), mas também para aprimorar a habilidade de ouvir e compreender o inglês.

É crescente o número de opções disponíveis gratuitamente em plataformas como Spotify, Deezer e até mesmo em agregadores como o que integra dispositivos com iOS. Isso significa que é possível ouvi-los em qualquer momento ou lugar, seja no transporte público indo para algum lugar, enquanto realiza alguma tarefa em casa ou até na praia tomando um sol.

E o nível não é problema! Para quem está começando, uma boa opção é o ESL Pod, programa criado por dois americanos (Jerry e Lucy) e totalmente em inglês! Eles conversam a respeito de assuntos corriqueiros e temais fáceis, sempre parando para explicar alguns termos utilizados. Além disso, eles têm uma linguagem e fala extremamente clara.

  1. Que tal brincar de lip syncing?

Uma das partes mais difíceis do processo de aprendizado da língua inglesa é a pronuncia. Nossa língua mãe é um tanto distante do inglês, fazendo com que haja um distanciamento entre os movimentos labiais que fazemos para falar. Apesar disso, a pronúncia não é (e nem deve ser) um bicho de sete cabeças. E existem inclusive alguns métodos divertidos para treinar essa habilidade sem necessariamente estar em uma aula de conversação.

Um deles é o lip syncing. Você pode fazer uma competição com seus amigos ou até sozinho na frente do espelho. A ideia é que você consiga pronunciar as palavras exatamente como são no inglês e prestar muita atenção no movimento que faz com a face, músculos do rosto e boca. Com o tempo você vai se acostumar, tanto com o som quanto com os movimentos, e a pronuncia vai se tornando algo mais fácil e natural.

A imagem abaixo ilustra quais são os movimentos certos para cada letra e tipo de som e serve também como uma espécie de gabarito. Veja:

 

SOBRE CAMBRIDGE ASSESSMENT ENGLISH
Cambridge Assessment English é o departamento sem fins lucrativos da Universidade de Cambridge especializado em certificações e avaliação da língua inglesa com um amplo portfólio para diferentes públicos e objetivos. Com mais de 100 anos de tradição e atuando em mais de 130 países, os certificados Cambridge Assessment English são reconhecidos internacionalmente por mais de 20 mil instituições, empresas e órgãos governamentais no mundo todo. O departamento conta com os melhores especialistas na área de avaliação linguística, que se dedicam ao desenvolvimento e ao controle de qualidade dos exames Cambridge English. No mundo todo, mais de 5 milhões de pessoas prestam os exames anualmente.

Para mais informações sobre Cambridge Assessment English
Growth Comunicações
Nathália Sanches – nathalia@growthcomunicacoes.com.br
Anna Beatriz Gregório – anna.beatriz@growthcomunicacoes.com.br
Sergio Sanches – sergio@growthcomunicacoes.com.br
(11) 2626-0567